Respostas instantâneas às suas perguntas “e se” podem revelar milhões de oportunidades de economia, dando aos fabricantes algumas boas notícias muito necessárias em tempos difíceis.

“E se” houver uma oportunidade de vários milhões de dólares escondida em sua rede de cadeia de suprimentos?

Muita coisa mudou para os fabricantes nos últimos 18 meses. Você, sem dúvida, fez alguns ajustes em seu mix de produtos, programação de produção, preços, e potencialmente até mesmo sua pegada para responder à incerteza contínua no mercado e às amplas flutuações na demanda. Com os negócios começando a se estabilizar, pelo menos em algum grau, agora é a hora de olhar mais de perto sua rede de distribuição, custos e produtividade. Você pode ficar agradavelmente surpreso com onde (e em que grau) existem oportunidades de economia.

O Poder de "E Se ...?"

Trabalhamos com um fornecedor privado de materiais de construção com mais de 1.000 funcionários e desenvolvemos um modelo analítico de seu negócio, incorporando os custos apropriados em mais de 20 instalações. Embora não tenham encontrado grandes oportunidades de economia em seus custos de frete, eles alavancaram o modelo para começar a fazer algumas perguntas de nível superior sobre sua estratégia de produção e distribuição. Foi então que as coisas ficaram interessantes. 

Fizemos uma otimização de alto nível de sua maior divisão e analisamos o impacto da margem total de várias mudanças nos negócios. Especificamente, ajudamos a equipe a:

  • Explorar opções para o número de instalações necessárias para atender à demanda
  • Modelar o impacto financeiro da mudança da produção para instalações de custo mais baixo, nenhuma das quais operando em plena capacidade
  • Observar o que aconteceria se eles pudessem produzir todos os tipos de produtos em todas as instalações

Nenhum desses problemas foi explorado antes, em parte por causa de problemas de consistência de matéria-prima e o alto custo do frete para enviar produtos por longas distâncias - mas principalmente porque não é assim que a indústria já operou. Com a capacidade de fazer qualquer pergunta e modelar o impacto, no entanto, a empresa logo descobriu algumas grandes oportunidades.

Encontrando O Ovo de Ouro

A análise inicial estimou uma economia anual potencial irrestrita de US$ 11 a 12 milhões, mesmo com custos de frete mais elevados. Isso foi uma “verdadeira revelação”, como disse o próprio CEO. “Isso nos fez pensar se estávamos buscando as oportunidades certas, ou se haveria algo maior que deveríamos atacar primeiro”.

Quando apresentados a tais valores dramáticos, a resposta rápida de muitos líderes empresariais é questionar a integridade dos números. Com razão. Muitas vezes, o próprio trabalho analítico costuma apontar onde as empresas precisam extrair mais informações para gerar estimativas mais precisas. Em nosso exemplo, a credibilidade da análise de cenário foi reforçada pelo envolvimento próximo do analista financeiro líder da empresa, que ajudou a capturar e validar todos os dados necessários.

Lembre-se de que, mesmo quando os números são inesperados ou parecem bons demais para ser verdade, a realidade é que as operações de manufatura são extremamente complexas e evoluem organicamente com base em suposições e circunstâncias que mudam com o tempo. Dadas as mudanças extremas enfrentadas por muitas empresas no último ano e meio, não será surpresa para os fabricantes descobrirem oportunidades ocultas significativas de economia de custos em seus negócios hoje.

Considere O Que Mais Pode Mudar

Depois de identificar a oportunidade, o próximo passo, é claro, é torná-la realidade. Apesar do incentivo de cada guru da liderança, a maioria dos gerentes não pensa realmente "fora da caixa". Eles observam como sempre fizeram as coisas e, em seguida, tentam descobrir como fazê-las de 3 a 5% mais barato.

Em relação ao projeto do fornecedor de materiais de construção que estamos discutindo, capturar os benefícios potenciais que descobrimos requeria uma mentalidade diferente e um plano de execução viável. Começamos examinando a viabilidade das mudanças de alto nível sugeridas. Em vez de uma atribuição inicial para avaliar uma rede de distribuição e custos de frete, mudamos de marcha e começamos a fazer perguntas mais provocativas sobre suas estratégias de fabricação e distribuição.

  • E se pudéssemos produzir consistentemente o mesmo produto em vários locais
  • E se pudéssemos produzir todos os produtos em um local e enviá-los posteriormente e ainda economizar dinheiro
  • E se mudarmos nosso foco para impulsionar a produtividade em fábricas de maior desempenho e de custo de mais baixo, em vez de tentar obter mais produtividade de fábricas específicas que apresentam baixo desempenho
  • E se repensarmos o número de fábricas ou centros de distribuição necessários?
  • E se olharmos para nossos custos de frete e produção de forma holística – em conjunto - em vez de avaliá-los independentemente um do outro?

Claro, tivemos que levar em consideração as restrições e limitações da empresa. Eles não podiam, por exemplo, começar a fabricar instantaneamente todos os produtos em todas as instalações de produção. Consideramos quanto tempo, esforço e energia eles teriam de investir e o que poderia ser realizado de forma realista em um determinado período. Na análise final, o potencial a curto prazo acabou em algo entre US$ 3 a 5 milhões. Essa meta, calculada pela execução de uma infinidade de cenários hipotéticos, é uma grande oportunidade para esta empresa.

Você Sabe Se Sua Atual Estratégia De Negócio Oferecerá Os Melhores Resultados Financeiros Possíveis?

Novamente, muita coisa mudou. No contexto do seu ambiente de negócios hoje, vale a pena se perguntar:

  • Temos as estratégias de negócios corretas?
  • Passamos pela análise para identificar os cursos de ação corretos?
  • Sabemos qual abordagem nos dará os melhores resultados o mais rápido possível?

Antes de mergulhar profundamente em economias específicas de produtividade, talvez seja melhor olhar para a frente do seu negócio de uma perspectiva mais holística.